segunda-feira, fevereiro 27, 2006

Roswell - uma grande conspiração?


Os Arquivos Secretos (X-Files) são uma produção do canal de televisão Fox que retrata uma dupla de agentes do FBI decidida a investigar as atividades paranormais e tentar revelar os arquivos secretos do Governo. Estes arquivos secretos estão relacionados com aterrizagens de extraterrestres, atividades psíquicas e reencarnações. Além disso, dois dos grandes sucessos cinematográficos como O Dia da Independência e A Rocha, fazem uma clara referência ao incidente de Roswell.

Em uma conferência de imprensa realizada em Roswell, um repórter tentou descobrir mais sobre a área 51, perguntando a um Coronel: "Você poderia nos contar algo sobre o mito da área 51, o que é a área 51, este lugar realmente existe?"

"Deixe-me lhe perguntar algo", disse o Coronel, "você está se referindo ao Lago Broom em Nevada..., está falando dele?

"Estou me referindo a cena que todo mundo assistiu no filme O Dia da Independência", disse o repórter.

O Coronel Haynes respondeu: "Existem algumas instalações no Lago Broom em Nevada, portanto existe informação classificada e isto é tudo o que posso dizer a respeito". Sem querer misturar a fantasia produzida por Hollywood com a realidade, respostas como esta reforçam a posição dos crédulos de que realmente o Governo dos Estados Unidos esconde algo. Inclusive, ganha mais força o fato de que este tipo de história volta e meia é analisada pelo Governo. Sendo assim, em 1994 uma investigação da Força Aérea confirmou que no lugar do choque não havia nada além de fragmentos, estanho e borracha, mas descartaram a hipótese de que fosse proveniente de uma sonda meteorológica. Em seguida o próprio Governo confirmou que os discos que os habitantes de Roswell encontraram caídos no deserto, nunca pertenceram a nenhuma sonda metereológica, como foi afirmado originalmente, mas que tampouco pertenciam a uma nave espacial extraterrestre. É mais provável que fossem restos do Projeto Mogul; um experimento secreto de espionagem composto por um aparato receptor colocado numa sonda que monitorava possíveis experimentos nucleares soviéticos.

Com base nesta afirmação, a Força Aérea pediu outra investigação e autorizou o capitão James McAndrew, autor do relatório inicial, a descobrir mais informações e esclarecer o acontecimento. O resultado desta busca foi publicado e enviado pelo Pentágono à imprensa titulado "O relatório de Roswell: caso encerrado" em comemoração ao décimo quinto aniversário da colisão. Neste documento de duzentas e trinta e uma páginas, a Força Aérea explica: "esperamos saber pela última vez, o que realmente aconteceu em Roswell." O relatório também sustenta que os corpos reconhecidos pelas testemunhas eram na realidade manequins para provas de choque de alto impacto e páraquedas. De fato, segundo o porta-voz da Força Aérea, a descrição feita dos supostos extraterrestres coincidiam com as características dos bonecos: calvos, sem sobrancelhas, sem cabelos, nem orelhas, com uma pele azulada e um metro cinquenta a um metro e sessenta de altura. Com respeito aos relatórios dos extraterrestres encontrados e levados aos hospitais locais, a Força Aérea esclarece que tratava-se de um avião militar que sofreu um trágico acidente e, cuja tripulação sofreu graves queimaduras. Mesmo com todas as peças do quebra-cabeça se encaixando, muitas pessoas continuam acreditando que a verdade não foi revelada. O fato é que as provas com os manequins aconteceram em 1954, enquanto que o incidente em Roswell ocorreu no ano de 1947. Mas além das declarações do Pentágono, as testemunhas de Roswell se negam a aceitar que confundiram dois acontecimentos totalmente separados.

Em agosto de 1995 o canal Fox apresentou um filme realizado em 1947 da suposta autópsia realizada nos extraterrestres, mesmo ficando evidente de que se tratavam de corpos de borracha, e ainda a Kodak confirmando a data do filme, nunca foi provado que realmente teria sido realizado em 1947. Inclusive, profissionais em efeitos especiais declararam que este tipo de filme poderia ser falso. Contudo, estos fatos não mudaram a opinião dos que continuam acreditando, muitos se baseiam nas supostas fotos que foram apresentadas como provas e que mostram os corpos dos extraterrestres espalhados pelo chão onde ocorreu o acidente, mesmo depois do próprio fotógrafo admitir que se tratava de uma farsa. Não há dúvidas que ainda "resta muita lenha para queimar", o incidente de Roswell permanece na mente do povo e parece que vai continuar assim por muito tempo. Numa pesquisa realizada recentemente pela CNN conclui-se que 80 por cento dos norte-americanos estão convencidos que seu governo esconde a verdade sobre a existência de vida extraterrestre. Não se sabe se trata-se de um segredo ou uma credulidade bem humana, mas o fato é que a história de Roswell permanece e isto realmente não me satisfaz por completo.

M. Mitchell Waldrop tem um doutorado em Física Teórica e é escritor especializado em Ciência há dez anos. É o autor da Teoria da Complexidade (Complexity) (1992) e Man-Made-Minds (1987), atualmente está escrevendo The Technology of Enchantment, um livro sobre software.

4 Comments:

Blogger roseggata said...

ola...ja assisti um documentario sobre o caso em que uma equipe medica realiza uma autopsia num ser não humano...a aflição que senti foi tanta que parecia ser real...
beijosss...

5/3/06 10:25 PM  
Blogger Rynaldo Papoy said...

Muito legal essa história sobre Roswell, realmente algo importante aconteceu naquele lugar, como em Varginha.

18/3/06 11:08 PM  
Anonymous Anônimo said...

as vezes as pessoas acham que as coisas deveriam ser como elas querem mas issso como as coisas que -se passam sao muito mas perplecsa mas o que fazer quando isso acontece e penssar e refletir como possoas de bem com a vida e isso

7/7/07 10:18 AM  
Blogger Amigos said...

Se voce poder me responde, tah
Guilherme voce acredita que existiu algo mesmo em Roswell?, Bom a minha opiniao eh o seguinte, uma historia assim nao poderia ser inventada do nada, Eu acredito sim em seres de outro mundo, mas nao gostaria de ver um.

13/6/10 4:06 PM  

Postar um comentário

<< Home